CCIH - Comissão de Controle de Infecção Hospitalar

O que é CCIH?

A CCIH (Comissão de Controle de Infecção Hospitalar) foi instituída pelo Ministério da Saúde em 1983 através da Portaria 196. É um órgão de assessoria à Direção Geral dos hospitais, composta por médicos, enfermeiros, farmacêuticos e representantes da administração do hospital, todos responsáveis pela execução das ações de Controle de Infecção Hospitalar. Foi instituída na Maternidade Jacarandás no dia 20 de agosto  de 1998.

Tem como finalidade, dentre outras:
-Detectar casos de infecção hospitalar, seguindo critérios de diagnósticos previamente estabelecidos;
-Conhecer as principais infecções hospitalares detectadas no serviço e definir se a ocorrência destes episódios de infecção está dentro de parâmetros aceitáveis; 
-Elaborar normas de padronização para que os procedimentos realizados na instituição sigam uma técnica asséptica (sem a penetração de microrganismos), diminuindo o risco do paciente adquirir infecção; 
-Colaborar no treinamento de todos os profissionais da saúde no que se refere à prevenção e controle das infecções hospitalares;
-Realizar controle da prescrição de antibióticos, evitando que os mesmos sejam utilizados de maneira descontrolada no hospital; 
-Recomendar as medidas de isolamento de doenças transmissíveis, quando se trata de pacientes hospitalizados;
-Oferecer apoio técnico à administração hospitalar para a aquisição correta de materiais e equipamentos e para o planejamento adequado da área física das unidades de saúde.

O que é PCIH?
O PCIH (Programa de Controle de Infecção Hospitalar) é um conjunto de definições, normas e atuações para diagnostico e prevenção de infecções adquiridas em unidades de cuidados de saúde (incluindo hospitais, clínicas e consultórios).

Componentes:
Hoje composta pelos seguintes profissionais:
Dr: Rudi Robert Nehls
D: Valdeci Alves Rezende
Dr: Tancredo Franzini Picin
Enfermeira: Melina Sornsen
Farmacêutico: Marcos Vinicius Alves Valle
Administrativa: Débora Suzana Muller

Conclusão
A CCIH é uma equipe multiprofissional que atua com o objetivo de desenvolver ações de controle e prevenção de infecções, bem como implementar a qualidade da assistência.
Tem a atribuição de levantar dados relativos às infecções e eventos adversos decorrentes da hospitalização e, com base nesses dados, recomendar medidas de prevenção e controle.

Isso não quer dizer que o controle das infecções hospitalares fica apenas a cargo dos profissionais que compõem a comissão, pelo contrário, todos os profissionais que prestam cuidados diretos e indiretos ao paciente devem assumir responsabilidades,desde o simples ato de lavagem das mãos, passando pelo uso de equipamento de proteção individual, adoção de precauções padrão, uso racional dos antimicrobianos tanto terapêuticos quanto profiláticos e vigilância epidemiológica das infecções hospitalares, todas são atitudes que devem ser adotadas pelos profissionais que presta assistência a pacientes.

É preciso que haja conscientização e envolvimento de cada profissional da equipe assistencial na prevenção e controle das infecções hospitalares.